Share Button

Dançando Conforme a Música

“Agora, pois, estai dispostos e, quando ouvirdes o som da trombeta ..., prostrai-vos e adorai a imagem que fiz; porém, se não a adorardes, sereis, no mesmo instante, lançados na fornalha de fogo ardente. E quem é o deus que vos poderá livrar das minhas mãos?” (Daniel 3:15).

Nabucodonosor, o rei da Babilônia, construiu uma enorme estátua de ouro e convocou os principais do seu reino para inaugurá-la. Ele resolveu que todos os povos deveriam adorá-la. O sinal para o momento da adoração seria dado quando vários instrumentos musicais fossem tocados. O rei não somente deu a ordem como também a sentença: Quem não adorasse seria lançado numa fornalha de fogo ardente.

Quando tocaram a música, todos os povos adoraram a estátua; menos três servos de Deus: Sadraque, Mesaque e Abede-Nego. Estes foram descobertos e entregues ao rei.

Nos dias de hoje não é diferente. A sociedade, através de vários meios de comunicação, age como “ditadores” e “reis” que impõem a moda do momento em relação a bebidas, vestimenta, música, gírias, etc. Quem não “dança conforme a música” acaba sendo “lançado na fornalha”, ou seja, é excluído pela sociedade. Muitos, com medo, acabam cedendo a essas imposições. Os servos de Deus são a minoria. Qual é nossa reação de frente a maioria? Enfrentamos o erro ou cedemos à pressão?

Seguir o mundo não é a vontade de Deus. “Não ameis o mundo nem as coisas que há no mundo. Se alguém amar o mundo, o amor do Pai não está nele; porque tudo que há no mundo, a concupiscência da carne, a concupiscência dos olhos e a soberba da vida, não procede do Pai, mas procede do mundo. Ora, o mundo passa, bem como a sua concupiscência; aquele, porém, que faz a vontade de Deus permanece eternamente” (1 João 2:15-17).

Devemos agir como aqueles três servos de Deus que resistiram a ordem do rei, mesmo não sabendo se Deus iria livrá-los ou não; eles não se importaram com as consequências, porque de uma coisa estavam certos: Deus estava com eles (Daniel 3:16-18).

Seguir as imposições da sociedade não deve fazer parte do nosso cotidiano. Somos reconhecidos como cristãos justamente por sermos diferentes do mundo e parecidos com Cristo. A sociedade tenta mostrar que não tem problema em você pecar. O divórcio, o homossexualismo e outras formas de relações sexuais ilícitas, entre outros pecados, já são coisas comuns para a sociedade.

“A música tentadora do pecado” toca todos os dias de uma maneira bem sutil. Por não perceber que se trata de pecado, multidões estão obedecendo ao seu chamado. E você? Vai adorar as estátuas de ouro do pecado ou ser lançado na fornalha pela sociedade?

A decisão é sua. Mas quando acabar o mundo e não existir mais a “sociedade”, aqueles que permaneceram fiéis serão exaltados, e os que ouviram o chamado da “música” serão lançados numa fornalha de fogo ardente. Só que esta fornalha é eterna!

–por Lucas Marques

Leia mais sobre este assunto:  
O Viver Cristão Prático

Santificados no Proceder e no Pensamento
 
A santificação dos casados: desafios doutrinários
 
Cuidado com o Fermento!
 
O que Deus diz sobre o divórcio


ESTUDOS BÍBLICOS       PESQUISAR NO SITE       MENSAGENS EM ÁUDIO      MENSAGENS EM VÍDEO     

ESTUDOS TEXTUAIS      ANDANDO NA VERDADE     O QUE ESTÁ ESCRITO?      O QUE A BIBLIA DIZ?

 

O Que Esta Escrito?
 
©1994, ©1995, ©1996, ©1997, ©1998, ©1999, ©2000, ©2001, ©2002, ©2003, ©2004, ©2005, ©2006, ©2007, ©2008, ©2009
 Redator: Dennis Allan, C.P. 500 -- Jarinu – SP -- CEP: 13240-970

Andando na Verdade
©1999, ©2000, ©2001, ©2002, ©2003, ©2004, ©2005, ©2006, ©2007, ©2008
Redator: Dennis Allan, C.P. 500 -- Jarinu – SP -- CEP: 13240-970

Todos os artigos no site usados com permissão dos seus autores e editoras, que retêm direitos autorais sobre seu próprio trabalho. / 
All of the articles on this site are used with permission of their authors and publishers, who retain rights of use and copyright control over their own work.

Estudos Bíblicos
estudosdabiblia.net
©1995-2017 Karl Hennecke, USA