Share Button

Salmo 52: Deus te Destruirá para Sempre

A confiança na justiça de Deus necessariamente tem dois lados. Todos que se consideram justos desejam a proteção e as bênçãos de Deus, mas poucos acreditam de fato no outro lado da moeda, a punição dos ímpios. Davi instrui sobre esse tema no Salmo 52.

Esse Salmo foi escrito em resposta à maldade de Doeque, edomita e servo do rei Saul. Doegue viu Davi em Nobe, quando este pediu a ajuda dos sacerdotes de Deus. Esse edomita foi correndo para avisar o rei do paradeiro do fugitivo. Saul foi até Nobe e mandou a execução dos 85 sacerdotes e de todos os moradores da cidade. Quando seus guardas recusaram obedecer a ordem do rei, o próprio Doegue o fez. Um dos filhos do sacerdote Aimeleque conseguiu fugir e avisar Davi da matança. Davi se sentiu responsável pela tragédia, mas também considerou Doegue especialmente culpado. Nessa ocasião, ele fez a oração registrada como Salmo 52. Antes de continuar a leitura desse artigo, seria bom ler o registro histórico em 1 Samuel 22 e o Salmo 52.

O título do Salmo 52, além de identificar seu contexto histórico, sugere para nós duas outras coisas importantes: (1) Davi queria que esse hino fosse tratado como importante, pois foi endereçado o mestre de canto, o homem responsável pelos louvores de Israel; e (2) O Salmo é didático, ou seja, serve para ensinar. Podemos aprender lições importantes aqui!

A mensagem foi dirigida a um homem poderoso, mas mal. “Por que te glorias na maldade, ó homem poderoso? Pois a bondade de Deus dura para sempre” (verso 1). No contexto histórico, o homem poderoso e mal seria Doegue, supervisor dos homens responsáveis pelo gado do rei. Esse fato, porém, não nega a aplicação dos princípios do Salmo a outros malfeitores embriagados com seu próprio poder. A ambiciosa maldade do homem leva à sua destruição, enquanto a bondade de Deus permanece.

Davi descreve o procedimento e as atitudes desse homem mal (versos 2-4). Apesar de Doegue ter usado sua espada para matar dezenas de pessoas inocentes, Davi enfatiza a maldade feita pela língua afiada que enganava e tramava a destruição. Enquanto todos reconhecem o perigo de armas de guerra, a língua continua sendo a arma mais perigosa que o homem usa. Todos nós devemos usá-la com muito cuidado!

O homem mal seria destruído por Deus na presença dos justos (versos 5-7). A maldade do homem dura por pouco tempo, mas a justiça de Deus é eterna. Os justos percebem o problema da confiança depositada nos lugares errados: “Eis o homem que não fazia de Deus a sua fortaleza; antes, confiava na abundância dos seus próprios bens e na sua perversidade se fortalecia” (verso 7).

O salmista, justo, permanece como a oliveira verdejante (versos 8-9). Uma planta valiosa e resistente, essa oliveira está na Casa de Deus. Davi sabia do seu lugar como futuro rei de Israel, conforme a decisão divina já anunciada. Ele não seria destruído por Saul, pois Deus cuidava do seu ungido. Por isso, Davi olhou para Deus e confiou, agradeceu e esperou. Ele não seria derrotado por Doegue, Saul ou qualquer outro homem.

Em contraste com a vida passageira do homem mal, arrancado da sua tenda e extirpada da terra (verso 5), Davi falou da permanência de quatro coisas: (1) A bondade divina: “Pois a bondade de Deus dura para sempre” (verso 1); (2) A vingança divina: “Também Deus te destruirá para sempre” (verso 5); (3) A confiança do justo: “confio na misericórdia de Deus para todo o sempre” (verso 8); e (4) A gratidão do justo: “Dar-te-ei graças para sempre” (verso 9).

O Salmo 52 foi escrito para uso na adoração a Deus, e claramente exalta a sua justiça, fidelidade e misericórdia. Como salmo didático, ele enfatiza um dos principais temas práticos das Escrituras: a importância da nossa escolha de fazer o bem e não seguir o mal exemplo de homens como Doegue. Um caminho leva à vida, e a outra à morte (Deuteronômio 30:15; Josué 24:15; 1 Tessalonicenses 5:21-22; Mateus 7:13-14).

Vamos sempre adorar a Deus e aprender de Davi e outros servos fiéis como honrar o Senhor pelas nossas vidas de fé obediente.

-por Dennis Allan


ESTUDOS BÍBLICOS       PESQUISAR NO SITE       MENSAGENS EM ÁUDIO      MENSAGENS EM VÍDEO     

ESTUDOS TEXTUAIS      ANDANDO NA VERDADE     O QUE ESTÁ ESCRITO?      O QUE A BIBLIA DIZ?

 

O Que Esta Escrito?
 
©1994, ©1995, ©1996, ©1997, ©1998, ©1999, ©2000, ©2001, ©2002, ©2003, ©2004, ©2005, ©2006, ©2007, ©2008, ©2009
 Redator: Dennis Allan, C.P. 500 -- Jarinu – SP -- CEP: 13240-970

Andando na Verdade
©1999, ©2000, ©2001, ©2002, ©2003, ©2004, ©2005, ©2006, ©2007, ©2008
Redator: Dennis Allan, C.P. 500 -- Jarinu – SP -- CEP: 13240-970

Todos os artigos no site usados com permissão dos seus autores e editoras, que retêm direitos autorais sobre seu próprio trabalho. / 
All of the articles on this site are used with permission of their authors and publishers, who retain rights of use and copyright control over their own work.

Estudos Bíblicos
estudosdabiblia.net
©1995-2017 Karl Hennecke, USA