Share Button

Salmo 9: O SENHOR Permanece no Seu Trono Eternamente

Ouvimos comentários e observamos exemplos frequentes da injustiça. Seja por tratamento privilegiado de alguns criminosos, desigualdade na defesa dos direitos de cidadãos ou até perversões da justiça no contexto religioso, a injustiça é evidente e revoltante. Diante desse cenário, é comum ouvir alguém dizer: “Não confio na justiça dos homens, mas confio muito na justiça divina”. Davi expressou o mesmo sentimento no Salmo 9.

Davi inicia esse Salmo com louvor dirigido a Deus: “Louvar-te-ei, SENHOR, de todo o meu coração; contarei todas as tuas maravilhas. Alegrar-me-ei e exultarei em ti; ao teu nome, ó Altíssimo, eu cantarei louvores” (versos 1 e 2). Apesar de habitar no meio de pessoas injustas e perversas, Davi achou motivos de alegria quando pensou em Deus.

O principal motivo do louvor expressado nesse hino é a equidade de Deus em julgar os casos dos homens. Os inimigos de Davi batem em retirada e tropeçam no caminho, porque Deus julga retamente e apoia a causa do seu servo (versos 3 e 4). Diante de Deus, as nações dos ímpios são destruídas (versos 5 e 6).

Enquanto seus inimigos caem, Deus permanece: “Mas o SENHOR permanece no seu trono eternamente, trono que erigiu para julgar. Ele mesmo julga o mundo com justiça; administra os povos com retidão” (versos 7 e 8). Vivemos em tempos de instabilidade política. Pessoas eleitas a posições de grande poder traem a confiança da população. Líderes irresponsáveis ameaçam a paz entre nações. Cidadãos sofrem as consequências da ganância de líderes corruptos. Para muitas pessoas, essas circunstâncias se tornam motivos de ansiedade, mas para as pessoas que realmente confiam em Deus, são apenas oportunidades para reforçar sua fé no domínio do Altíssimo. Não importa quem exerce poder em Brasília, Washington ou Moscou, porque Deus continua no seu trono. Os fiéis, com sua perspectiva eterna, encontram conforto nesse fato.

Davi viu, em Deus, um alto refúgio para os sofredores (versos 9 e 10). Como alguém em uma torre alta é protegido das batalhas que acontecem no chão, os oprimidos são elevados e protegidos pelo Senhor. Permanecem acima dos conflitos, seguros diante das ameaças dos inimigos.

Novamente, Davi fala de cantar louvores ao Senhor (verso 11-12). Desta vez, ele convida os outros a adorarem. Ele mesmo havia adorado por causa da vitória sobre seus inimigos (versos 1 a 4). Agora, ele chama os outros a reconhecerem seu próprio livramento e louvar a Deus pelo mesmo motivo. Nossas circunstâncias não são iguais às do rei Davi, mas todo livramento divino é motivo de adoração. O que ele nos oferece em Jesus, a salvação eterna, é o maior motivo possível para louvar o nome do Senhor.

A angústia de Davi não havia acabado. Ele pede a compaixão de Deus para livrá-lo dos sofrimentos que seus inimigos causaram (versos 13 e 14). Mesmo nesse apelo, percebemos que Davi prioriza a honra devida a Deus. Ele pede livramento para poder adorar ao Senhor!

Davi e seus inimigos estão indo em direções opostas. Enquanto Deus levanta os fiéis à torre do seu alto refúgio (verso 9), as nações ímpias se afundam em uma cova, são enlaçados pelas suas próprias obras e, afinal, lançados para baixo na morte (versos 15-18). Esse contraste entre subir e descer é comum nas Escrituras, como também na linguagem cotidiano de praticamente todas as culturas. As pessoas querem subir na vida, mas não querem cair em uma cilada ou calamidade. A nossa vida, como a de Davi, está cheia de viravoltas, mas podemos escolher um caminho que leva para cima em termos espirituais e eternos.

Davi encerra o Salmo 9 com mais um apelo para Deus agir, julgando as nações e mostrando sua soberania sobre todos os mortais (versos 19 e 20). Apesar de viver em um mundo onde os homens pervertiam a justiça e os ímpios pareciam ter vantagem, o rei de Israel mostrou sua confiança em Deus e na sua justiça. No final das contas, Deus vence e todos que se alinham com ele participam da vitória eterna.

-por Dennis Allan


ESTUDOS BÍBLICOS       PESQUISAR NO SITE       MENSAGENS EM ÁUDIO      MENSAGENS EM VÍDEO     

ESTUDOS TEXTUAIS      ANDANDO NA VERDADE     O QUE ESTÁ ESCRITO?      O QUE A BIBLIA DIZ?

 

O Que Esta Escrito?
 
©1994, ©1995, ©1996, ©1997, ©1998, ©1999, ©2000, ©2001, ©2002, ©2003, ©2004, ©2005, ©2006, ©2007, ©2008, ©2009
 Redator: Dennis Allan, C.P. 500 -- Jarinu – SP -- CEP: 13240-970

Andando na Verdade
©1999, ©2000, ©2001, ©2002, ©2003, ©2004, ©2005, ©2006, ©2007, ©2008
Redator: Dennis Allan, C.P. 500 -- Jarinu – SP -- CEP: 13240-970

Todos os artigos no site usados com permissão dos seus autores e editoras, que retêm direitos autorais sobre seu próprio trabalho. / 
All of the articles on this site are used with permission of their authors and publishers, who retain rights of use and copyright control over their own work.

Estudos Bíblicos
estudosdabiblia.net
©1995-2017 Karl Hennecke, USA