Estudos Bíblicos

Eliseu e as Ursas (2)

Continuamos a consideração de uma das histórias mais estranhas na Bíblia, o relato de Eliseu e duas ursas (2 Reis 2:23-24). Já observamos o contexto de décadas de esforço de profetas, principalmente Elias e Eliseu, para resistir ao avança da idolatria promovida pelos reis de Israel. Agora, vamos considerar alguns detalhes do texto que podem nos ajudar a entender o que Deus fez com as duas ursas. O texto citado diz:

“Então Eliseu partiu dali para ir a Betel. Estando ele a caminho, uns rapazinhos saíram da cidade, e zombavam dele, dizendo:

— Suba, seu careca! Suba, seu careca!

Eliseu se virou para trás, viu os rapazinhos e os amaldiçoou em nome do Senhor. Então duas ursas saíram do bosque e despedaçaram quarenta e dois deles.”

Admiro muito a disciplina e dedicação das pessoas que trabalham para traduzir as Escrituras. Transmitir corretamente o sentido de palavras e ideias de outro idioma e de outras culturas é um trabalho extremamente difícil. Estudiosos apontam duas palavras especialmente difíceis na tradução desse trecho:

(1) A palavra traduzida “despedaçaram” pode ter o significado de matar, mas isso não é a única maneira de entender o termo, que significa quebrar ou rasgar. Simplesmente não sabemos se os 42 foram machucados ou mortos pelas ursas.

(2) A palavra traduzida “rapazinhos” é ainda mais difícil, pois as traduções são variadas. Muitas vezes, refere-se a jovens, mas também pode significar servos, sendo assim traduzida dezenas de vezes no Antigo Testamento. Muitos textos bíblicos usam essa palavra para falar de pessoas de idade suficiente para seguir instruções e tomar decisões: soldados e seus ajudantes (Juízes 8:20; 1 Samuel 21:5; 30:11-13; 1 Reis 20:13-15), sacerdotes e seus ajudantes (Juízes 17:7-13; 1 Samuel 2:12-17), homens capazes de matar outros (2 Samuel 13:28-29) e até chefes de família (2 Samuel 9:9,12). No contexto da história de Eliseu, a mesma palavra é usada para identificar o homem que ajudava o profeta (2 Reis 4:25). Depois de ver tantos sentidos da palavra citada, devemos entender que a história das ursas fala sobre pessoas com idade suficiente para tomar suas próprias decisões. Os 42 “rapazinhos” foram tratados pelo próprio Senhor como responsáveis pelos seus atos.

Deus não mandou ursas para matar criancinhas inocentes. Na próxima parte do nosso estudo, vamos considerar a grave ofensa que levou ao castigo desses 42 zombadores.

-por Dennis Allan

Eliseu e as Ursas (1)

Eliseu e as Ursas (2)

Eliseu e as Ursas (3)

ESTUDOS BÍBLICOS       PESQUISAR NO SITE       MENSAGENS EM ÁUDIO      MENSAGENS EM VÍDEO     

ESTUDOS TEXTUAIS      ANDANDO NA VERDADE     O QUE ESTÁ ESCRITO?      O QUE A BIBLIA DIZ?

 

O Que Esta Escrito?
 
©1994, ©1995, ©1996, ©1997, ©1998, ©1999, ©2000, ©2001, ©2002, ©2003, ©2004, ©2005, ©2006, ©2007, ©2008, ©2009
 Redator: Dennis Allan, C.P. 500 -- Jarinu – SP -- CEP: 13240-970

Andando na Verdade
©1999, ©2000, ©2001, ©2002, ©2003, ©2004, ©2005, ©2006, ©2007, ©2008
Redator: Dennis Allan, C.P. 500 -- Jarinu – SP -- CEP: 13240-970

Todos os artigos no site usados com permissão dos seus autores e editoras, que retêm direitos autorais sobre seu próprio trabalho. / 
All of the articles on this site are used with permission of their authors and publishers, who retain rights of use and copyright control over their own work.

Estudos Bíblicos
estudosdabiblia.net
©1995-2020 Karl Hennecke, USA