Estudos Bíblicos

Sermão do Monte (3)

Uma Mensagem Radical em uma Montanha

É difícil imaginar algum discurso mais conhecido do que o Sermão do Monte, e ainda mais difícil imaginar um mais importante. A mensagem teve impacto profundo quando Jesus pregou num monte na Galileia quase 2.000 anos atrás. Ao longo dos séculos, o Sermão do Monte foi analisado, interpretado e distorcido ao ponto de perder a força original para muitos leitores. Quando estudamos capítulos 5, 6 e 7 do Evangelho de Mateus, devemos refletir nas palavras de Jesus e permitir que suas orientações penetrem nossos corações.

Se o Sermão do Monte não nos transformar, não compreendemos seu significado!

Na introdução, os 10 versículos conhecidos como as bem-aventuranças, Jesus define o caráter do cidadão do reino dos céus. Antes de analisar as afirmações de Jesus versículo por versículo, devemos observar a lista completa. Seria bom pausar agora para ler Mateus 5:3-12 antes de continuar.

É comum encontrar um desses versículo ou outro citado para promover um comportamento específico. Quando alguém sofre, outra pessoa pode oferecer versículo 4 (“Bem-aventurados os que choram, porque serão consolados”) para confortá-lo. Quando diplomatas ou presidentes negociam acordos entre países adversários, algumas pessoas se lembram do versículo 9 (“Bem-aventurados os pacificadores, porque serão chamados filhos de Deus”).

Não devemos abordar as bem-aventuranças dessa maneira, como se fosse um buffet onde pode escolher o que lhe agrada e ignorar as outras coisas. As bem-aventuranças não são opções para escolher, são atributos do caráter do cidadão do reino. Cada discípulo deve se esforçar para desenvolver todas essas qualidades na sua vida.

Erramos, também, ao reduzir as bem-aventuranças a meras dicas para o bem-estar nesta vida. Não encontramos aqui sugestões de fazer um gesto bom aqui ou oferecer uma palavra consoladora ali. São qualidades espirituais que definem o caráter do seguidor de Jesus Cristo. Não se tratam de condições financeiras nem de acordos de paz entre nações, e sim de pessoas humildes que procuram e promovem a paz com Deus.

Nessa introdução a seu sermão mais importante, Jesus lançou desafios enormes para cada um de nós. Ele não pediu que fizéssemos uma coisa boa ou outra para nos sentirmos satisfeitos com nossa bondade. Ele pediu para cada ouvinte ou leitor refletir sobre suas próprias atitudes para com Deus e para com outros seres humanos. Olhamos no espelho do caráter divino. O que enxergamos?

-por Dennis Allan

Sermão do Monte (Série)


ESTUDOS BÍBLICOS       PESQUISAR NO SITE       MENSAGENS EM ÁUDIO      MENSAGENS EM VÍDEO     

ESTUDOS TEXTUAIS      ANDANDO NA VERDADE     O QUE ESTÁ ESCRITO?      O QUE A BIBLIA DIZ?

 

O Que Esta Escrito?
 
©1994, ©1995, ©1996, ©1997, ©1998, ©1999, ©2000, ©2001, ©2002, ©2003, ©2004, ©2005, ©2006, ©2007, ©2008, ©2009
 Redator: Dennis Allan, C.P. 500 -- Jarinu – SP -- CEP: 13240-970

Andando na Verdade
©1999, ©2000, ©2001, ©2002, ©2003, ©2004, ©2005, ©2006, ©2007, ©2008
Redator: Dennis Allan, C.P. 500 -- Jarinu – SP -- CEP: 13240-970

Todos os artigos no site usados com permissão dos seus autores e editoras, que retêm direitos autorais sobre seu próprio trabalho. / 
All of the articles on this site are used with permission of their authors and publishers, who retain rights of use and copyright control over their own work.

Estudos Bíblicos
estudosdabiblia.net
©1995-2020 Karl Hennecke, USA