Estudos Bíblicos

Sermão do Monte (22)

Bondade Não Merecida

“Vocês ouviram o que foi dito: ‘Olho por olho, dente por dente.’ Eu, porém, lhes digo: Não resistam ao perverso. Se alguém lhe der um tapa na face direita, ofereça-lhe também a face esquerda. Se alguém quer processar você e tirar-lhe a túnica, deixe que leve também a capa. Se alguém obrigar você a andar uma milha, vá com ele duas. Dê a quem lhe pede e não volte as costas ao que quer lhe pedir emprestado” (Mateus 5:38-42).

O ensinamento de Jesus foi surpreendente para os primeiros ouvintes e continua contrariando as atitudes comuns atualmente. Em nossa sociedade, os heróis, muitas vezes, são as pessoas que demandam seus direitos e conseguem a vingança diante de qualquer injustiça. No reino do Senhor, porém, essas atitudes não recebem a aprovação do Rei!

Jesus começa com o abuso de um princípio encontrado no Antigo Testamento. A regra sobre retribuição de olho por olho e dente por dente vem de textos como Êxodo 21:24 e Levítico 24:19-20. Enquanto nossa primeira reação a tais regras pode ser negativa, achando o castigo corporal severo, devemos lembrar que práticas de amputação continuam como castigos legais em vários países até os dias de hoje, e que penalidades desproporcionais às ofensas têm sido aplicadas em muitas culturas ao longo da história. A Lei do Antigo Testamento limitava castigos, evitando penalidades exageradas. O contexto da mesma regra em Deuteronômio 19:21 sugere que o princípio seria aplicado por juízes, e não como código de vingança particular. O que deveria servir como limite legal, porém, passou a ser visto como direito pessoal, o ponto que Jesus corrige no seu ensinamento.

A dificuldade desse trecho tem provocado debates intermináveis sobre sua aplicação. Um cristão pode se defender de um ataque violento? Uma nação pode resistir a uma invasão por outra?

Devemos ter cuidado de não deixar tais dificuldades anularem o impacto das palavras do Senhor. A leitura honesta desses versículos ajuda, pelo menos, a entender três desafios que Jesus lançou: (1) Não devemos priorizar os nossos direitos pessoais; (2) Devemos aceitar injustiça nesta vida; (3) Devemos demonstrar a bondade imerecida aos outros.

Quando reagimos aos princípios ensinados por Jesus como injustos ou impraticáveis, devemos nos lembrar de quem fala. Pouco tempo depois de apresentar seu Sermão do Monte, Jesus abriu a mão dos seus direitos, aceitou a injustiça de homens pecadores e se sacrificou pelos mesmos malfeitores.

-por Dennis Allan


Sermão do Monte (Série)

ESTUDOS BÍBLICOS       PESQUISAR NO SITE       MENSAGENS EM ÁUDIO      MENSAGENS EM VÍDEO     

ESTUDOS TEXTUAIS      ANDANDO NA VERDADE     O QUE ESTÁ ESCRITO?      O QUE A BIBLIA DIZ?

 

O Que Esta Escrito?
 
©1994, ©1995, ©1996, ©1997, ©1998, ©1999, ©2000, ©2001, ©2002, ©2003, ©2004, ©2005, ©2006, ©2007, ©2008, ©2009
 Redator: Dennis Allan, C.P. 500 -- Jarinu – SP -- CEP: 13240-970

Andando na Verdade
©1999, ©2000, ©2001, ©2002, ©2003, ©2004, ©2005, ©2006, ©2007, ©2008
Redator: Dennis Allan, C.P. 500 -- Jarinu – SP -- CEP: 13240-970

Todos os artigos no site usados com permissão dos seus autores e editoras, que retêm direitos autorais sobre seu próprio trabalho. / 
All of the articles on this site are used with permission of their authors and publishers, who retain rights of use and copyright control over their own work.

Estudos Bíblicos
estudosdabiblia.net
©1995-2020 Karl Hennecke, USA