Estudos Bíblicos

A Queda de Samaria

Depois da morte de Salomão, Deus entregou a maior parte da nação de Israel a Jeroboão, filho de Nebate, e este estabeleceu um péssimo precedente de idolatria. Durante mais de 200 anos, a nação imitou o mau exemplo de Jeroboão. Deus mandou profetas e diversos castigos em tentativas de estimular o arrependimento do povo, mas não corrigiram seus caminhos errados. Finalmente, a paciência de Deus se esgotou, e ele mandou o exército da Assíria para destruir Samaria, a cidade principal, e levar os sobreviventes ao cativeiro.

2 Reis 17 registra motivos da queda de Samaria. Entre eles:

A idolatria. O principal motivo da destruição de Israel foi sua infidelidade para com o verdadeiro Deus e sua fascinação com os falsos deuses que outros povos serviam. Em poucas palavras, “os filhos de Israel pecaram contra o SENHOR, seu Deus... e temeram outros deuses” (2 Reis 17:7). Nos dias de hoje, muitos se entregam à mesma fascinação com religiões que parecem mais interessantes e mais alinhadas com os desejos carnais humanos, mas o único Deus, Criador dos céus e da terra, continua exigindo a fidelidade absoluta. Ele promete punir com eterna destruição “os que não conhecem a Deus e... os que não obedecem ao evangelho de nosso Senhor Jesus” (2 Tessalonicenses 1:8-9).

A obstinada rejeição da palavra de Deus. Setecentos anos antes da queda de Samaria, Deus havia revelado sua lei aos israelitas por meio de Moises. Ao longo dos séculos, ele mandou profetas que chamaram o povo a voltar ao Senhor. Mas o povo não escutou:

“Porém eles não quiseram ouvir; se tornaram obstinados e foram teimosos como os seus pais, que não creram no SENHOR, seu Deus. Rejeitaram os estatutos e a aliança que Deus tinha feito com os pais deles, e desprezaram as suas advertências. Seguiram os ídolos sem valor... Seguiram as nações que estavam ao redor deles, das quais o SENHOR lhes havia ordenado que não as imitassem. Desprezaram todos os mandamentos do SENHOR... Também queimaram os seus filhos e as suas filhas como sacrifício, deram-se à prática de adivinhações e acreditaram em agouros; e venderam-se para fazer o que era mau aos olhos do SENHOR, para o provocarem à ira” (2 Reis 17:14-17).

A consequência foi grave: “Por isso o SENHOR muito se indignou contra Israel e o afastou da sua presença; e nada mais ficou, a não ser a tribo de Judá” (2 Reis 17:18).

O mau exemplo de Israel nos lembra da importância da nossa fidelidade ao único verdadeiro Deus.

-por Dennis Allan


ESTUDOS BÍBLICOS       PESQUISAR NO SITE       MENSAGENS EM ÁUDIO      MENSAGENS EM VÍDEO     

ESTUDOS TEXTUAIS      ANDANDO NA VERDADE     O QUE ESTÁ ESCRITO?      O QUE A BIBLIA DIZ?

 

O Que Esta Escrito?
 
©1994, ©1995, ©1996, ©1997, ©1998, ©1999, ©2000, ©2001, ©2002, ©2003, ©2004, ©2005, ©2006, ©2007, ©2008, ©2009
 Redator: Dennis Allan, C.P. 500 -- Jarinu – SP -- CEP: 13240-970

Andando na Verdade
©1999, ©2000, ©2001, ©2002, ©2003, ©2004, ©2005, ©2006, ©2007, ©2008
Redator: Dennis Allan, C.P. 500 -- Jarinu – SP -- CEP: 13240-970

Todos os artigos no site usados com permissão dos seus autores e editoras, que retêm direitos autorais sobre seu próprio trabalho. / 
All of the articles on this site are used with permission of their authors and publishers, who retain rights of use and copyright control over their own work.

Estudos Bíblicos
estudosdabiblia.net
©1995-2017 Karl Hennecke, USA