Estudos Bíblicos

O Rei Não Respeitou o Patrimônio Cultural

A tendência de uma sociedade ecumênica é de censurar críticas e preservar o patrimônio cultural, inclusive relíquias de diversas religiões. Durante o tempo do Império Romano, era comum encontrar diversos templos e ídolos nas cidades, como o apóstolo Paulo viu em Atenas (Atos 17:16-23). O pluralismo da época era tão forte que cristãos, que acreditavam em um só Deus, foram vistos como ateus!

Quando os israelitas chegaram à terra de Canaã, os habitantes do território adoravam vários deuses. Enquanto idolatria e politeísmo podem ganhar muito apoio na sociedade, tais perversões religiosas nunca foram aprovadas pelo Criador dos céus e a terra. Ele mandou que o povo de Israel destruísse qualquer vestígio das falsas religiões praticadas pelos residentes anteriores, para evitar que seu povo fosse corrompido pelas influências idólatras.

Mas o povo não foi totalmente obediente. Em várias ocasiões, cederam à sua curiosidade e imitaram as práticas das outras nações. Em alguns períodos, a dedicação à idolatria aumentou muito, algo parecido com o crescimento do paganismo nos países ocidentes nos últimos 30 anos. Curiosidade, fascinação e a busca da “liberdade” das restrições reveladas por Deus motivam pessoas a buscarem religiões alternativas. A maioria dos reis de Judá e todos os reis de Israel (depois da separação desses dois reinos) apoiaram a idolatria, alguns deles abertamente incentivando esse comportamento de rebeldia contra o Criador.

Quando Josias começou a reinar em Judá, ele herdou uma nação enfraquecida pelas práticas pagãs do seu pai e avô. Ele decidiu não seguir os maus exemplos dos dois reis anteriores e começou um trabalho de restaurar a verdadeira religião no seu reino. Esse rei leu a Lei do Senhor publicamente e guiou o povo na renovação da aliança com Deus (2 Reis 23:1-3). Josias lançou uma campanha de purificação religiosa na qual mandou tirar do templo do Senhor todas as coisas empregadas nas práticas idolatras. Continuou no resto da cidade de Jerusalém e em toda a terra de Judá. Depois, entrou no território anteriormente conhecido como Israel ou Samaria e destruiu todos os ídolos daquela região (2 Reis 23:4-20).

Josias não se preocupava em honrar as pessoas e preservar seu patrimônio cultural, pois ele entendeu que a honra pertence ao Senhor, e que os ídolos são abominações diante do verdadeiro Deus. Nós, também, devemos nos preocupar com a honra devida ao Senhor!

-por Dennis Allan


ESTUDOS BÍBLICOS       PESQUISAR NO SITE       MENSAGENS EM ÁUDIO      MENSAGENS EM VÍDEO     

ESTUDOS TEXTUAIS      ANDANDO NA VERDADE     O QUE ESTÁ ESCRITO?      O QUE A BIBLIA DIZ?

 

O Que Esta Escrito?
 
©1994, ©1995, ©1996, ©1997, ©1998, ©1999, ©2000, ©2001, ©2002, ©2003, ©2004, ©2005, ©2006, ©2007, ©2008, ©2009
 Redator: Dennis Allan, C.P. 500 -- Jarinu – SP -- CEP: 13240-970

Andando na Verdade
©1999, ©2000, ©2001, ©2002, ©2003, ©2004, ©2005, ©2006, ©2007, ©2008
Redator: Dennis Allan, C.P. 500 -- Jarinu – SP -- CEP: 13240-970

Todos os artigos no site usados com permissão dos seus autores e editoras, que retêm direitos autorais sobre seu próprio trabalho. / 
All of the articles on this site are used with permission of their authors and publishers, who retain rights of use and copyright control over their own work.

Estudos Bíblicos
estudosdabiblia.net
©1995-2017 Karl Hennecke, USA