Estudos Bíblicos

Coragem ou Tolice?

“Eu não estou nem aí para o que os outros pensam.” É comum ouvir declarações ousadas de independência. Dependendo do contexto e do caráter de quem fala, as atitudes comunicadas podem ser bem diferentes.

Por um lado, pode ser uma demonstração de coragem de uma pessoa que recusa participar do comportamento de manada. Poucos têm coragem de resistir as influências dos colegas, mesmo quando a maioria esteja errada. Jesus conseguiu ter contato frequente com pecadores porque mostrou coragem de manter suas convicções e influenciar, recusando ser levado a participar do pecado (Mateus 9:10-13; Lucas 19:1-10). Outros heróis bíblicos, como Josué (Josué 24:14-15), Daniel (Daniel 1:8; 6:1-10) e Estêvão (Atos 6:8 – 7:60), demonstraram a mesma convicção. Por bons motivos, admiramos a coragem de pessoas de integridade que recusam acompanhar os erros dos outros.

Mas a mesma declaração, muitas vezes, não tem nada a ver com coragem e integridade. A pessoa pode tentar enganar os outros e até se enganar com suas afirmações de independência. Na maioria dos casos, a mensagem comunicada é de tolice, e não de coragem.

“O solitário busca o seu próprio interesse e se opõe à verdadeira sabedoria. O tolo não tem prazer no entendimento, mas apenas em externar o que pensa” (Provérbios 18:1-2).

Quando alguém não quer considerar os conselhos dos outros e não quer ouvir críticas e repreensões, a tendência é de levantar um muro de proteção. Antes de outros terem oportunidade de falar contra suas atitudes e ideias, a pessoa já fecha a porta com seu aviso que não se preocupa com os pensamentos dos outros. Continua na sua própria insensatez para fazer tudo que quer e recusa a correção que ajudaria evitar sofrimento. “O caminho do insensato parece reto aos seus olhos, mas o sábio ouve os conselhos” (Provérbios 12:15).

Para evitar que os outros falem alguma coisa contra, essa pessoa aprende a falar primeiro e defender suas ideias, sem dar oportunidade para outros questionarem. Não busca o entendimento, porque acha que já sabe o suficiente. E se alguém conseguir expressar dúvidas, ela já tem argumentos prontos para descartar o conselho. “Como o cão que volta ao seu próprio vômito, assim é o insensato que repete a sua tolice. Você viu alguém que é sábio aos seus próprios olhos? Há mais esperança para um tolo do que para ele” (Provérbios 26:11-12).

Que tenhamos coragem para resistir às más influências e sabedoria para aceitar bons conselhos!

-por Dennis Allan


ESTUDOS BÍBLICOS       PESQUISAR NO SITE       MENSAGENS EM ÁUDIO      MENSAGENS EM VÍDEO     

ESTUDOS TEXTUAIS      ANDANDO NA VERDADE     O QUE ESTÁ ESCRITO?      O QUE A BIBLIA DIZ?

 

O Que Esta Escrito?
 
©1994, ©1995, ©1996, ©1997, ©1998, ©1999, ©2000, ©2001, ©2002, ©2003, ©2004, ©2005, ©2006, ©2007, ©2008, ©2009
 Redator: Dennis Allan, C.P. 500 -- Jarinu – SP -- CEP: 13240-970

Andando na Verdade
©1999, ©2000, ©2001, ©2002, ©2003, ©2004, ©2005, ©2006, ©2007, ©2008
Redator: Dennis Allan, C.P. 500 -- Jarinu – SP -- CEP: 13240-970

Todos os artigos no site usados com permissão dos seus autores e editoras, que retêm direitos autorais sobre seu próprio trabalho. / 
All of the articles on this site are used with permission of their authors and publishers, who retain rights of use and copyright control over their own work.

Estudos Bíblicos
estudosdabiblia.net
©1995-2017 Karl Hennecke, USA