Estudos Bíblicos

O Pedido de Salomão

Quando Salomão era jovem, seu pai, Davi, morreu. Respeitando a decisão de Deus, o rei Davi passou o trono para Salomão. Esse jovem amava a Deus (1 Reis 3:3) e foi amado do Senhor, o significado de outro nome que ele recebeu de um profeta de Deus (2 Samuel 12:25).

No início do seu reinado, Salomão fez sacrifícios ao Senhor. De noite, Deus apareceu em sonhos e conversou com o novo rei. O Senhor prometeu atender qualquer pedido que ele quisesse fazer (1 Reis 3:4-5).

O que nós faríamos com uma oportunidade dessas? Se Deus oferecesse atender a qualquer pedido, o que pediríamos? Dinheiro? Saúde? Fama? Amor?

Salomão pediu um coração compreensivo para poder ser justo, distinguir entre o bem e o mal e governar bem o povo do Senhor (1 Reis 3:7-9). Deus gostou do pedido dele, e respondeu: “Já que você pediu isso e não me pediu longevidade, nem riquezas, nem a morte de seus inimigos, mas pediu entendimento, para discernir o que é justo, eis que farei como você pediu. Eu lhe dou um coração sábio e inteligente, de maneira que antes de você nunca houve ninguém igual a você, nem haverá depois de você. Também lhe dou o que você não me pediu, tanto riquezas como glória, de modo que, entre os reis, não haverá ninguém semelhante a você durante os dias da sua vida. Se você andar nos meus caminhos e guardar os meus estatutos e os meus mandamentos, como fez Davi, seu pai, eu prolongarei os seus dias” (1 Reis 3:11-14).

O pedido de Salomão não foi egoísta. Não pediu coisas para seu próprio conforto, e sim equipamento para cumprir bem seu papel de cuidar do rebanho do Senhor. Em função disso, Deus lhe abençoou de outras maneiras: riquezas e glória. Ainda lhe ofereceu a possibilidade da longevidade, caso ele usasse sua sabedoria para servir fielmente ao Senhor. É importante observar que Salomão não pediu sabedoria porque queria ficar rico. A pureza do motivo dele agradou ao Senhor e foi a razão que Deus lhe deu tantas outras coisas.

A fama do rico rei de Israel se espalhou, principalmente por causa da sua grande sabedoria. Ele foi conhecido internacionalmente por essa capacidade de julgar retamente as questões. Até hoje, o nome de Salomão é praticamente sinônimo de sabedoria.

Duvido que algum leitor mantenha ilusões de se tornar a pessoa mais inteligente, rica ou famosa do mundo. O exemplo de Salomão nos ensina, porém, uma lição importante: que devemos pedir ao Senhor que ele nos equipe para servir melhor.

-por Dennis Allan

ESTUDOS BÍBLICOS       PESQUISAR NO SITE       MENSAGENS EM ÁUDIO      MENSAGENS EM VÍDEO     

ESTUDOS TEXTUAIS      ANDANDO NA VERDADE     O QUE ESTÁ ESCRITO?      O QUE A BIBLIA DIZ?

 

O Que Esta Escrito?
 
©1994, ©1995, ©1996, ©1997, ©1998, ©1999, ©2000, ©2001, ©2002, ©2003, ©2004, ©2005, ©2006, ©2007, ©2008, ©2009
 Redator: Dennis Allan, C.P. 500 -- Jarinu – SP -- CEP: 13240-970

Andando na Verdade
©1999, ©2000, ©2001, ©2002, ©2003, ©2004, ©2005, ©2006, ©2007, ©2008
Redator: Dennis Allan, C.P. 500 -- Jarinu – SP -- CEP: 13240-970

Todos os artigos no site usados com permissão dos seus autores e editoras, que retêm direitos autorais sobre seu próprio trabalho. / 
All of the articles on this site are used with permission of their authors and publishers, who retain rights of use and copyright control over their own work.

Estudos Bíblicos
estudosdabiblia.net
©1995-2020 Karl Hennecke, USA